Renúncia? Manifestantes pedem saída de Benjamin Netanyahu em protesto

Comícios acontecem em Jerusalém, Tel Aviv e outras cidades pelo país. População foi às ruas empunhando bandeiras do país, bandeiras negras ou lenços rosa.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, segue enfrentando uma onda de protestos contra o seu governo. Neste sábado (24), os manifestantes voltaram às ruas e organizaram um comício em frente à residência do líder.

Eles exigiam que Benjamin Netanyahu renunciasse por causa das acusações de corrupção em andamento e pela forma como seu governo lidou com a pandemia do coronavírus.

Uma curiosidade nos protestos em Israel é a utilização, por parte dos manifestantes, de alegorias de submarinos, uma alusão à acusação de corrupção pela compra de cinco submarinos alemães que o governo enfrenta.

Além deste caso, Netanyahu é julgado por uma série de outros envolvendo supostos episódios de corrupção.

Ele foi indiciado em novembro após denúncias de recebimento de presentes de amigos milionários, e por supostamente buscar favores regulatórios para magnatas da mídia em troca de uma cobertura favorável.

O primeiro-ministro rejeita todas acusações e irregularidades.

Joia do Cristão Com Informações do Sputniknews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *