Posição do Governo do Brasil Pode aumentar perdas econômicas,diz especialista

Um relatório divulgado nesta segunda-feira (8) pelo Banco Mundial aponta que a economia brasileira deverá sofrer uma queda de 8% neste ano, com uma recuperação de 2,2% em 2021.

O recuo estimado do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil é maior do que o esperado para o bloco América Latina e Caribe, que teria queda de 7,2% em 2020. Em 2021, o Brasil também perde em relação aos países do continente. A estimativa do banco é de que a economia na América Latina e Caribe cresça em média 2,8%.

Se confirmada, a queda de 8% será a pior da história do Brasil.  A série das contas nacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) começa em 1900, com a primeira variação registrada no ano seguinte. As piores retrações registradas até hoje ocorreram em 1990 (4,35%) e em 1981 (4,25%).

Ler mais

Brasil tem 38.497 mortes por coronavírus, revela consórcio de veículos de imprensa; são 1.185 nas últimas 24 horas

Levantamento feito por jornalistas de G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL junto às secretarias estaduais de Saúde mostra ainda que houve 31.197 novos casos de Covid-19 em um dia; são 742.084 no total. Apenas Mato Grosso não divulgou os dados a tempo de entrar no balanço.

O Brasil teve 1.185 novas mortes registradas em razão do novo coronavírus nas últimas 24 horas, aponta levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde. Com isso, já são 38.497 óbitos pela Covid-19 no país até esta terça-feira (9). Veja os dados, consolidados às 20h:

Ler mais