Na ONU, papa Francisco cita ‘perigosa situação’ da Amazônia e de povos indígenas

Em discurso, ele também considerou que a atual crise derivada da pandemia do coronavírus pode ser uma oportunidade real para a transformação dos atuais modos de vida

Em pronunciamento na Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas), o papa Francisco citou a “perigosa situação da Amazônia e de seus povos indígenas”. O líder da Igreja Católica fez um vídeo de 26 minutos, exibido na manhã desta sexta-feira, 25, em que também falou sobre a desigualdade social do mundo e a pandemia do novo coronavírus.

Ler mais