Ministério Público – Joia do Cristão Baiano

Ministério Público pede abertura de processo contra André Valadão por homofobia

O Ministério Público Federal encaminhou à Justiça, nesta quinta-feira, 15, uma queixa-crime feita por entidades civis contra o pastor e cantor evangélico André Valadão, que afirmou, nas redes sociais, que as igrejas não são lugar para pessoas LGBTQIA+.

A ABMLBT (Associação Brasileira de Mulheres Lésbicas, Bisexuais, Travestis e Transexuais) e o GADvS (Grupo de Advogados pela Diversidade Sexual e de Gênero) protocolaram, em 29 de setembro, um pedido para que fosse aberta uma ação penal contra Valadão, por homofobia — desde o ano passado, por decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), a Lei Antirracismo (7717/1989) engloba também casos de homofobia e transfobia.

Ler mais

MP pede prisão de pai de santo acusado de estupro e crimes sexuais contra fiéis em SP

Pai Guimarães supostamente cometeu os crimes contra ao menos seis fiéis entre 2010 e 2019, de acordo com o Ministério Público. A defesa não foi localizada pelo G1 para comentar o assunto.

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) pediu à Justiça a prisão do pai de santo Heraldo Lopes Guimarães, conhecido como Pai Guimarães de Ogum, acusado de estupro e outros crimes sexuais contra ao menos seis fiéis, entre os anos de 2010 e 2019, em São Paulo. As vítimas são todas mulheres e, segundo a denúncia do MP, o acusado teria ameaçado ao menos uma delas.

Guimarães de Ogum tem 56 anos e atua na Umbanda, religião brasileira de matriz africana. A denúncia contra o líder religioso foi feita em 15 de setembro e algumas das vítimas eram menores de 14 anos na época dos abusos. Em sua defesa feita à Justiça, o pai de santo negou às acusações dizendo ser vítima de um complô das mulheres para prejudicá-lo.

Ler mais

MP diz ter encontrado indícios de que a Igreja Universal foi usada para lavar dinheiro da corrupção na Prefeitura do Rio

Promotores analisam trocas de mensagem encontradas em celular de Rafael Alves, suposto operador do prefeito do Rio, Marcelo Crivella. Relatório de Inteligência anexado à investigação cita que, entre maio de 2018 e abril de 2019, a igreja movimentou de forma “atípica” R$ 5,9 bilhões.

O Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro (MP-RJ) diz ter encontrado indícios de “bilionárias movimentações atípicas” da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) e afirmou ser “verossímil concluir” que a entidade religiosa está sendo “utilizada como instrumento para lavagem de dinheiro fruto da endêmica corrupção instalada na alta cúpula da administração municipal” do Rio. O prefeito Marcelo Crivella é bispo licenciado da Iurd.

Ler mais

Ministério Público quer cassar passaportes diplomáticos de Valdemiro Santiago e R.R. Soares

Em pareceres enviados à Justiça, o Ministério Público Federal defendeu a cassação dos passaportes diplomáticos do apóstolo Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus, e do missionário R.R. Soares, da Igreja Internacional da Graça.

O passaporte de Valdemiro, com validade de três anos, foi concedido em agosto do ano passado pelo governo Jair Bolsonaro. A bispa Franciléia de Oliveira, esposa do apóstolo, também recebeu o documento, que dá ao seu portador privilégios nas filas de aeroportos internacionais. Em alguns casos, dependendo do país, até o visto é dispensado.

Ler mais

MP denuncia deputada Flordelis por morte de pastor Anderson

Autoridades já cumpriram nove mandados de prisão e buscam cumprir 14 de busca e apreensão em caso que investiga morte de Anderson do Carmo

O MP-RJ (Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro) denunciou nesta segunda-feira (24)  a deputada federal Flordelis de Souza pela morte do marido, pastor Anderson do Carmo de Souza, assassinado em junho do ano passado. 

Além disso, a Polícia Civil, em ação conjunta com o MP-RJ, cumpre nove mandados de prisão preventiva e 14 de busca e apreensão contra 11 envolvidos na morte do pastor Anderson do Carmo de Souza. A ação ocorre em endereços do Rio de Janeiro (RJ), de Niterói (RJ), São Gonçalo (RJ) e em Brasília (DF). 

Segundo o delegado Allan Duarte, a motivação do crime teria sido a disputa de poder e sua emancipação financeira do marido. Flordelis não estava satisfeita com a forma como o marido organizava as finanças e os problemas da família. 

Ler mais

MP-GO deflagra operação que apura lavagem de dinheiro na Afipe, responsável pela Basílica de Trindade

O Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) deflagrou na manhã desta sexta-feira (21) uma operação para apurar irregularidades na Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe). A entidade é responsável pelo Santuário Basílica de Trindade, cidade na Região Metropolitana de Goiânia conhecida como a “capital da fé” do estado. São cumpridos 16 mandados de busca e apreensão, inclusive, em imóveis luxuosos ligados ao padre Robson de Oliveira Pereira, fundador e presidente da Afipe e reitor da Basílica.Já o corpo jurídico da entidade disse que “não foi pego de surpresa” com a operação e que, no passado, “se colocou à disposição do Ministério Público”. Salientou ainda que o padre Robson acompanhou toda a operação e que tudo segue em “extremo sigilo”.

Ler mais