Igreja Deus é Amor se pronuncia sobre pastor que agrediu esposa ao vivo

A Igreja Pentecostal Deus é Amor publicou um comunicado oficial acerca do pastor que agrediu verbalmente a esposa durante uma live. Pelas redes sociais, a igreja reforçou o absoluto repúdio à violência doméstica e contra as mulheres e ainda publicou um vídeo gravado pelo pastor-presidente do conselho executivo, Roberto Marena.

“Qualquer tipo de violência, principalmente no âmbito doméstico, é totalmente contrária aos princípios cristãos e aos ensinamentos apregoados na Bíblia Sagrada, nossa base de fé. Devemos nos lembrar que violência doméstica não é apenas pecado, é também um crime! Como cristãos devemos combater atitudes como essa de forma muito enérgica”, declarou o pastor.

Ler mais