Estado Islâmico reivindica autoria de atentado em Viena

O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) reivindicou nesta terça-feira (3) a autoria do ataque realizado na segunda, no centro de Viena, na Áustria, que deixou quatro mortos e 22 feridos.

Em comunicado divulgado pelo serviço de mensagens Telegram, a organização indica que “um soldado do califado” se lançou contra um aglomerado de pessoas, realizado a ação com uma arma automática, uma pistola e uma faca.

MINISTRO SE PRONUNCIA
O ministro do Interior da Áustria, Karl Nehammer, afirmou nesta terça-feira que as investigações não apontaram a a existência de um segundo autor da série de ataques terroristas cometidos na segunda-feira em seis locais no centro de Viena.

Ler mais