Cristão – Joia do Cristão Baiano

Cristão ex-muçulmano é chicoteado por beber vinho no Irã

O cristão ingeriu a bebida durante a santa ceia, mas as autoridades o julgaram, ignorando a nova fé dele

O cristão ex-muçulmano Mohammad Reza (Youhan) Omidi foi chicoteado 80 vezes no dia 14 de outubro, por beber vinho como parte da santa ceia, no Irã. É ilegal que os iranianos muçulmanos bebam álcool, mas exceções são feitas para minorias religiosas reconhecidas, incluindo os cristãos. No entanto, o Irã não reconhece os convertidos do islamismo como cristãos e a atitude de Omidi foi vista como contrária à lei, resultando na punição física.

Ler mais

Justiça Eleitoral rejeita instituir abuso de poder religioso

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, por maioria de votos, nesta terça-feira (18), rejeitar a possibilidade de a apuração de abuso do poder por parte de autoridade religiosa ocorrer no âmbito das Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes) a partir das Eleições Municipais de 2020.

A tese foi proposta pelo ministro Edson Fachin, ao relatar recurso da vereadora de Luziânia (GO) Valdirene Tavares dos Santos contra cassação de mandato por suposto abuso de poder religioso nas Eleições de 2016. O TSE acolheu, por unanimidade, o recurso da vereadora, que teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO).

Ler mais

“Eu não negocio os princípios que a Bíblia me deu”, diz pastor Cláudio Duarte a Pedro Bial

O pastor Cláudio Duarte foi o convidado a participar do programa apresentado por Pedro Bial na última segunda-feira.

Na última segunda-feira (17), o pastor Cláudio Duarte foi convidado do programa ‘Conversa com Bial’ e falou com o apresentador sobre Família, ministério e valores bíblicos. Em razão das medidas de quarentena e da pandemia, as entrevistas do programa têm sido feitas por chamadas de vídeo.

Inicialmente, o apresentador perguntou a Cláudio Duarte sobre como ele descobriu que poderia começar a aconselhar casais e se esses conselhos se baseiam em sua própria experiência de cerca de 28 anos de casamento.

Ler mais

Milton Ribeiro faz 1 mês como ministro: defesa da cloroquina e proposta de cortar R$ 4 bi da Educação marcam início da gestão

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, completa um mês no cargo neste domingo (16), sem o barulho e as polêmicas do antecessor Abraham Weintraub, mas com uma lista de grandes desafios na educação brasileira diante da previsão de perder, em 2021, R$ 4,2 bilhões para sua área.

Ribeiro é o quarto titular do Ministério da Educação (MEC) em um ano e meio de mandato do presidente Jair Bolsonaro. Ele tem 62 anos, é teólogo e pastor da Igreja Presbiteriana. Sua nomeação para a pasta agradou a ala evangélica do governo.

No discurso de posse, disse que buscaria ter “compromisso com o Estado laico” e manter “grande diálogo com acadêmicos e educadores”.

“Conquanto tenho a formação religiosa, meu compromisso que assumo hoje está bem firmado e bem localizado em valores constitucionais da laicidade do Estado e do ensino público. Assim, Deus me ajude”, afirmou.

Ler mais