China, Cuba e Rússia se elegem para Conselho de Direitos Humanos da ONU

Países são acusados de reiteradas violações de direitos humanos e se beneficiaram da ausência de concorrentes; Arábia Saudita ficou de fora

Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas renovou 15 cadeiras nesta terça-feira, 13, admitindo ChinaCuba e Rússia pela primeira vez. A votação, contudo, rejeitou a Arábia Saudita, que também se candidatou. O trio de países ganhou cadeiras apesar dos questionamentos acerca de seus históricos com os direitos humanos.

A votação é organizada por regiões geográficas estabelecidas pelas Nações Unidas. Cuba e Rússia foram vitoriosas concorrendo contra um número insuficiente de adversários em seus grupos regionais.

Ler mais