#Verificamos: É falso que Papa Francisco cancelou a Bíblia e propôs criar novo livro

Circula pelas redes sociais a “informação” de que o papa Francisco, líder mundial da Igreja Católica, determinou o cancelamento da Bíblia. O pontífice teria tomado essa decisão por achar as escrituras desatualizadas. Seu objetivo seria criar um novo livro sagrado, provisoriamente batizado como Bíblia 2000. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

Ler mais