MÚSICAS INTERNACIONAIS – Joia do Cristão Baiano

‘Encontrar o Espírito Santo despertou minha fé’,diz Mariah Carey

Mariah Carey compartilhou recentemente como Deus salvou sua vida. Suas experiências espirituais estão registradas no novo livro da cantora, “The Meaning of Mariah Carey” (O significado de Mariah Carey).

A artista, denominada pelo Guinness Book of World Records como a “Songbird Suprema”, é reconhecida como uma lenda na indústria da música. Mariah Carey alcançou a fama pela primeira vez em 1990 com o lançamento de seu primeiro álbum.

Mesmo sendo uma celebridade e tendo uma vida conhecida, a cantora de 50 anos só revelou seu relacionamento com Deus recentemente em seu livro, onde a artista conta sobre seu encontro com o Espírito Santo e como Deus salvou sua vida.

Ler mais

Filha de pastores, Katy Perry libera álbum gospel na internet

Filha de pastores e criada em berço evangélico, a cantora Katy Perry chegou a lançar um álbum gospel em 2001. Assinando como Katy Hudson, o trabalho veio sete anos antes de ela se lançar na era pop com One of the Boys, pela Capitol Records, mesma gravadora onde está até os dias de hoje.

Devido ao contrato com a Capitol, o álbum gospel não está nas plataformas digitais. Entretanto, no fim de semana, o projeto foi liberado em alguns países pelo Spotify além de estar mundialmente disponível na Amazon Music.

Rumores apontam que a cantora não pretende renovar seu contrato com a atual gravadora e que ela até pensa em lançar uma continuação de seu projeto gospel. Fãs especulam que ela vem sendo boicotada pela Capitol e isso se reflete em seu mais recente trabalho – Smile. Casada com o ator Orlando Bloom, eles são pais da pequena Daisy Dove Bloom.

Ler mais

Lauren Daigle ganha Billboard Music Awards 2020 de ‘Melhor Artista Cristão’

A cerimônia de premiação do Billboard Music Awards aconteceu nesta quarta-feira (14), no Dolby Theatre, em Los Angeles. Desde 2011, a entrega dos prêmios é realizada em abril, mas a data precisou ser ajustada por conta da pandemia de coronavírus neste ano.

Com apresentação de Kelly Clarkson, a noite teve shows de Demi Lovato, BTS, Alicia Keys, John Legend, Sia e muitos outros. Além da aparição memorável de Cher, que entregou prêmio Billboard Icon Award ao cantor country Garth Brooks.

A música gospel também marcou presença e Kanye West venceu 4 das 6 categorias a que foi indicado, incluindo a de Melhor Artista Gospel, desbancando até mesmo Kirk Franklin e Tori Kelly. O icônico Jesus is King venceu como Melhor Álbum Cristão e Melhor Álbum Gospel e ainda faturou o título de Melhor Música Gospel com a faixa Follow God.

Ler mais

Evangelho urbano contemporâneo

O evangelho urbano / contemporâneo é uma forma moderna de música cristã que expressa uma crença pessoal ou comunitária em relação à vida cristã, além de oferecer uma alternativa cristã à música secular convencional. Musicalmente, segue as tendências da música contemporânea urbana secular .

O gospel urbano / contemporâneo é um subgênero recente da música gospel . O hip hop cristão é um subtipo de música gospel urbana / contemporânea. Embora o estilo se desenvolva gradualmente, as formas iniciais são geralmente datadas da década de 1970, e o gênero foi bem estabelecido no final da década de 1980.

O formato de rádio é lançado principalmente para jovens adultos afro-americanos.

Origens e desenvolvimento 

Os hinos protestantes e os espirituais afro-americanos constituem o material básico da música gospel negra tradicional , que por sua vez é a fonte mais significativa do evangelho urbano / contemporâneo. O gospel urbano / contemporâneo manteve o foco espiritual da música gospel tradicional negra, mas usa formas musicais modernas.

O gospel urbano / contemporâneo deriva principalmente da música gospel tradicional negra , com forte influência e muitas influências sobre muitas formas de música pop secular. Devido às fortes divisões raciais na cultura americana do século XX, o evangelho urbano / contemporâneo se desenvolveu especificamente a partir das tradições musicais afro-americanas (Bream 1991). A música equivalente da cultura americana branca é a música cristã contemporânea (Bream 1991). Embora as linhas raciais tenham se confundido em algumas áreas, particularmente nos estilos musicais urbanos, essas divisões ainda são evidentes na indústria (Burdick 2009). A linha de cores divide artistas com estilos musicais extremamente semelhantes com base em sua raça e une artistas com estilos divergentes (como rap e pop) na mesma base em relatórios do setor, opções de marketing e prêmios como os prêmios Grammy e Dove (Bream 1991).

Ler mais

Elvis Presley

Elvis Aaron Presley(Tupelo, 8 de janeiro de 1935 — Memphis, 16 de agosto de 1977), também conhecido mononimamente como Elvis, foi um cantor, músico e ator estadunidense. Tido como um dos mais significantes ícones culturais populares do século XX, ele é frequentemente chamado de o Rei do Rock, ou simplesmente “O Rei”. Elvis fora ainda apelidado como Elvis, The Pelvis.

Presley nasceu em Tupelo, Mississippi, nos Estados Unidos, e mudou-se com sua família para o Memphis, no Tennessee, quando tinha 13 anos de idade. Sua carreira musical começou em 1954, gravando na Sun Records com o produtor Sam Phillips, que queria levar o som da música afro-americana para um público mais amplo. Presley, no violão de ritmo, e acompanhado pelo guitarrista Scotty Moore e pelo baixista Bill Black, foi um pioneiro do rockabilly, uma fusão de música country e rhythm and blues. Em 1955, o baterista D. J. Fontana juntou-se ao time e completou o quarteto clássico de Presley e a gravadora RCA Victor adquiriu seu contrato em um acordo arranjado pelo Coronel Tom Parker, que viria a empresariá-lo por mais de duas décadas. O primeiro single de Presley com a RCA, “Heartbreak Hotel”, foi lançado em janeiro de 1956 e se tornou um sucesso número um nos Estados Unidos.

Em novembro de 1956, Presley fez sua estréia no cinema em Love Me Tender. Convocado para o serviço militar em 1958, Presley relançou sua carreira musical dois anos depois, com alguns de seus trabalhos mais bem sucedidos comercialmente. No entanto, ele realizou poucos concertos, e orientado por Parker, dedicou grande parte da década de 1960 fazendo filmes e trilhas sonoras, a maioria dos quais foram zombados pela crítica. Em 1968, após uma pausa de sete anos sem se apresentar ao vivo, ele retornou ao palco no aclamado especial televisivo Elvis, o qual levou a uma estendida residência em Las Vegas, e uma série de turnês altamente lucrativas. Em 1973, Presley tornou-se o primeiro artista solo a ter um show transmitido ao redor do mundo, Aloha from Hawaii. Anos de abuso de drogas prescritas comprometeram gravemente sua saúde, e ele morreu repentinamente em 1977 em sua propriedade, Graceland, aos 42 anos de idade.

Ler mais

Sister Rosetta Tharpe

Rosetta Tharpe (20 de março de 1915 – 9 de outubro de 1973) foi uma cantora, compositora e guitarrista de música gospel, teve grande popularidade na década de 1940, com uma mistura única de letras gospel e acompanhamento de início de blues e country music. Pioneira da música no século XX, Rosetta foi única ao misturar o gospel com o ritmo que seria futuramente conhecido como rock.

Ousando atravessar a linha entre sagrado e secular apresentando sua música inspiradora de “luz” na “escuridão” dos clubes noturnos e salões de baile acompanhada por big bands. Em 13 de dezembro de 2017, Tharpe foi incluída no Rock and Roll Hall of Fame como uma influência antecipada

Biografia

Nascida Rosetta Nubin em Cotton Plant, Arkansas, ela começou a se apresentar quando tinha apenas quatro anos. Era chamada “Little Rosetta Nubin, the singing and guitar playing miracle”, acompanhando sua mãe (Katie Bell Nubin) que tocava mandolin na Igreja de Deus em Cristo pelo sul do país. Exposta a ambos blues e country music durante a infância, depois que sua família se mudou para Chicago, Illinois no final da década de 20, ela tocava um tipo de proto-rock escondido e apresentava música gospel publicamente. Seu estilo único refletiu influências antigas, pois ela tocava notas como músicos de jazz faziam e dedilhava a guitarra como fazia Memphis Minnie.

Ler mais

Jesus Culture

Jesus Culture ou Cultura de Jesus é um ministério cristão voltado para jovens que realiza três conferências em Redding, Califórnia anualmente, bem como em Atlanta, Las Vegas, Dallas, Cleveland, e também na Austrália e Inglaterra. As conferências trazem milhares de jovens de todo o mundo até os lugares de conferência.

História

A banda Jesus Culture começou no verão de 1999, quando um grupo jovem da Bethel Church em Califórnia, liderado por Banning Liebscher, lançou a primeira conferência Jesus Culture. O ministério foi chamado de “um dos movimentos cristãos pós-guerra mais significantes da América”.

De acordo com o website da banda Jesus Culture, “O coração desses retiros foi o de servir a outras igrejas e o de conduzir os jovens à experiência do amor radical de Deus. Em cada conferência há a forte presença do Senhor, e os jovens e os adultos novos voltavam às suas casas, escolas, locais de trabalhos e igrejas completamente apaixonados e transformados… Logo tornou-se muito claro para nós que a adoração foi uma parte essencial de nosso movimento. Kim Walker-Smith, Chris Quilala, e Melissa How foram os ministros de adoração no nosso grupo jovem local, e o Senhor começou a usá-los para trazer uma geração inteira para a adoração de todo o coração.

A partir de setembro de 2010, o Jesus Culture estava realizando conferências em Redding, Orange County, Dallas/Fort Worth, Chicago, Atlanta e na Austrália e Inglaterra.

Em 2013 Jesus Culture mudou-se para cidade de Sacramento para implantar uma igreja.

Música

Kim Walker-Smith e Chris Quilala são o núcleo da Banda Jesus Culture, uma vez que já foram ministros de adoração no grupo jovem da Bethel Church.propósito da música no movimento deles é de “apregoar o avivamento às nações da Terra… incentivar o Corpo de Cristo ao abandono radical de si próprio a um estilo de vida de adoração, motivado pela paixão de ver Deus receber a glória que é devida ao Seu nome…” e “encontrar o Seu amor extravagante e Seu vívido poder.

Ler mais

História da Hillsong United

Hillsong United (estilizado Hillsong UNITED ou UNITED) é uma banda australiana de adoração que originou da Hillsong Church, que produz música voltada para o público cristão jovem.

História

A banda foi originalmente formada em 1998, por amigos próximos de dentro do ministério jovem chamado “Powerhouse Youth”, liderado por muitos anos pelos pastores Phil e Lucinda Dooley do ministério de juventude da Hillsong. No verão do ano anterior, a equipe causou um enorme impacto no acampamento de verão de seu ministério de jovens. Ao voltar do acampamento, os ministérios da juventude da Hillsong Church decidiram se unir mensalmente, chamando essas reuniões de noites “UNIDAS” (“UNITED” nights). Como a banda da casa para as reuniões da Powerhouse, eles tocaram músicas originais e reorganizaram as rádios populares em sua reunião semanal para jovens locais com idades entre 16 e 25 anos. Os membros da banda, por vezes, também contribuíram para o maior ministério interdenominacional Youth Alive Australia e seus álbuns. A maioria dos membros da banda também frequentou os serviços da Hillsong Church. A Powerhouse cresceu e se dividiu no final dos anos 90 em dois grupos de jovens: Powerhouse (com idade entre 18 e 25 anos) e Wildlife (12 a 17 anos). Reuben Morgan, apoiado pelo guitarrista Marcus Beaumont e a líder de louvor Tanya Riches, administrou todas as noites, álbuns e eventos do United até 2003, quando o papel foi passado para Joel Houston.

Ler mais