Sisu será aberto em abril e vai usar nota do Enem 2020, diz MEC

Prova foi adiada para janeiro por conta da pandemia do novo coronavírus. Bolsas e financiamentos para universidades particulares usarão notas de provas antigas. O Prouni usará resultado da prova de 2019, enquanto o Fies dará a opção de utilizar a melhor nota desde 2010.

O Ministério da Educação (MEC) informou na sexta-feira (11) que o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), processo seletivo usado por universidades federais e algumas estaduais, será aberto em abril de 2021 para que seja usada a nota do Enem 2020, que será realizado em janeiro do ano que vem.

Ler mais

Ensino a distância: como proteger alunos de ataques virtuais?

Apesar de grande parte das crianças e dos jovens terem contato com a tecnologia desde cedo, muitos pais e professores não estavam preparados para a transferência da rotina escolar dos filhos para dentro de casa.

O ensino a distância, adotado por instituições durante a pandemia, exigiu a adaptação de diversos atores dessa nova realidade estudantil, incluindo o ambiente de estudo. Nesse sentido, uma característica que passou despercebida por diversas pessoas é fundamental no cuidado com os alunos: a segurança digital.

Ler mais

Após anúncio alvo de críticas, ministro da Educação não define retorno das aulas presenciais

Portaria publicada nesta quarta determinava a volta às aulas em janeiro, mas enfrentou resistência das universidades

Em reunião com reitores de universidades federais e particulares nesta sexta (4), o ministro da Educação, Milton Ribeiro, disse que as atividades remotas continuam autorizadas no ensino superior, mas não definiu até quando.

O ministro decidiu ouvir os dirigentes depois de publicar uma portaria em que determinava o retorno das aulas presenciais em 4 de janeiro. A medida foi considerada impraticável, já que dava cerca de um mês para que as instituições de ensino se organizassem.

Ler mais

Redes de ensino ainda não sabem se terão permissão para aulas remotas em 2021

Governo não homologou resolução do Conselho Nacional de Educação (CNE) que permite a extensão do ensino on-line em escolas públicas e privadas, da educação básica e do ensino superior. Documento foi aprovado há quase dois meses, por unanimidade.

A pouco mais de um mês do fim do ano, as redes de ensino públicas e privadas, da educação básica e do ensino superior, ainda não sabem se terão permissão para as aulas remotas em 2021.

O Ministério da Educação (MEC) ainda não homologou a permissão de estender o ensino on-line até dezembro de 2021, conforme havia sido aprovado por unanimidade em outubro pelo Conselho Nacional de Educação (CNE).

Ler mais

Grupo LGBT pede que Biden cancele o credenciamento de escolas cristãs com crenças bíblicas

Uma das principais organizações ativistas LGBT nacionais está conclamando o presumível presidente eleito Joe Biden e seu governo a promover políticas que retirem o credenciamento das faculdades cristãs que defendem as regras e posturas que se opõem à homossexualidade.

O pedido fazia parte do ” Projeto para Mudança Positiva ” da Campanha de Direitos Humanos , um documento recente que oferece 85 recomendações políticas e legislativas para um potencial governo Biden. O documento vem como Biden se  comprometeu ao longo de sua campanha de 2020 para promover a “igualdade LGBT” nos Estados Unidos e ao redor do mundo. 

Ler mais

Menina autista de 9 anos é algemada pela polícia durante crise em escola

Uma menina autista de 9 anos foi algemada e detida por policiais durante uma crise dentro da escola dela. O caso aconteceu no início desta semana na cidade de Sydney, na Austrália, e foi filmado por pessoas que estavam no colégio. A mãe da garota informou que o caso não é isolado e criticou a falta de acesso aos tratamentos de saúde mental no país.

No vídeo é possível ver a menina gritando enquanto está algemada e é puxada por outros dois policiais homens. Segundo o site News.au, a menina foi identificada como Makayla e, além de autismo, ela possui TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), transtorno desafiador de oposição, síndrome de Tourette e ansiedade. As condições da menina resultam em crises descontroladas e explosivas devido a diferentes gatilhos.

Ler mais

‘França é um país muçulmano’, diz embaixador francês na Suécia

O terrível assassinato do professor francês Samuel Paty, que mostrou caricaturas do profeta Maomé em uma aula sobre liberdade de expressão, abalou o país, gerando inúmeros protestos.

Enquanto as palavras do presidente Emmanuel Macron em relação ao islã geraram um conflito diplomático com a Turquia, o embaixador francês na Suécia, Etienne de Gonneville, rejeitou firmemente a ideia de existência do risco de conflito entre a França e o mundo muçulmano.

Na verdade, Gonneville foi mais longe ao classificar a própria França como um país muçulmano, em uma entrevista no domingo (15) à emissora nacional sueca SVT.

Ler mais

Assassino pagou para alunos mostrarem quem era o professor que foi decapitado na França, diz promotor

Promotor contra terrorismo afirmou que adolescentes de 14 e 15 anos estão entre as 7 pessoas acusadas pela morte de Samuel Paty. Veja quem são os outros denunciados.

O jovem de 18 anos que assassinou o professor francês Samuel Paty pagou alunos para ajudá-lo a identificar a vítima, afirmou o promotor contra terrorismo da França nesta quarta-feira (21).

Samuel Paty foi atacado e decapitado na sexta-feira (16), nos arredores de Paris, após exibir uma charge do profeta Maomé em uma aula sobre liberdade de expressão. Os muçulmanos acreditam que qualquer caracterização do profeta é uma blasfêmia.

Ler mais

Após ataque a professor, autoridades da França fecham mesquita perto de Paris

Samuel Paty foi decapitado após mostrar caricaturas do profeta Maomé em sala de aula

PARIS – As autoridades francesas fecharam nesta segunda-feira, 19, uma mesquita em Paris como parte da “guerra contra os inimigos da República”, três dias após a decapitação do professor Samuel Paty.

A mesquita fechada, Pantin, fica no noroeste do país. O ministro do Interior, Gérald Darmanin, disse que o templo havia compartilhado um vídeo denunciando as aulas do professor em sua página oficial no Facebook. O diretor da mesquita também havia escrito na rede social que “este professor deveria ser intimidado”, fornecendo “o endereço da escola”.

Ler mais

Polícia francesa prende 4 pelo assassinato de professor de História

Vítima, decapitada pelo agressor, tinha mostrado aos alunos caricaturas do profeta Maomé numa aula sobre liberdade de imprensa.

Os detidos, inclusive um menor de idade, fazem parte do círculo familiar do agressor, morto a tiros em Eragny, cidade vizinha a Conflans-Sainte-Hororine, local do crime, disse a polícia. Os investigadores chegaram a eles ao fazer buscas pesquisar a identidade do assassino, que não teve o nome confirmado. A Procuradoria Nacional Antiterrorista, criada no ano passado, abriu investigação por “assassinato relacionado à atividade terrorista”.

Ler mais