Vitória da Conquista, na Bahia, registra quase 4 mil notificações de dengue

O índice de infestação do mosquito na cidade é seis vezes maior que o tolerado pelo Ministério da Saúde.

Vitória da Conquista tem 547 casos confirmados de dengue na região

O crescimento da incidência de doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti vem causando preocupação em toda a Bahia. Em Vitória da Conquista, no sudoeste, o índice de infestação do mosquito é 6,6%, seis vezes maior que o tolerado pelo Ministério da Saúde, que é de menos de 1%. Há bairros onde este número chega a ser 20 vezes maior. Os dados são do Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) realizado em fevereiro deste ano.

Desde o começo deste ano, Vitória da Conquista registra 3.938 notificações de dengue, chikungunya e zika. São 547 casos confirmados de dengue e três mortes por dengue hemorrágica, além de sete casos de zika e 11 de chikungunya.

Para o coordenador de Endemias de Vitória da Conquista, Eliezer Almeida, esse aumento tem uma explicação:

Ler mais